Notícias

SINTEST-MG, em parceria com a FUNDACENTRO, lança curso

Postado em 29 de Setembro, 2017 - 22h03

"Desafio dos Técnicos de segurança, no exercício de sua atividade, é de proporcionar ambiente de trabalho saudável, que permita, por um lado, a normalidade do fluxo de produção e, por outro, que a saúde  e a segurança dos (as) trabalhadores (as) envolvidos sejam preservadas. Se este é o desafio, o profissional de SST deve necessariamente atuar sob a perspectiva da prevenção/precaução, o que implica aderir às inovações científicas – teóricas e práticas – oriundas do campo multidisciplinar da SST".  Partindo dessa premissa, o SINTEST-MG e  a FUNDACENTRO, preocupados com atualização dos conhecimentos produzidos e do conhecimento científico, têm se esforçado para formação de parcerias de modo a atender nossos profissionais. Resultado disso? A realização do Curso Modular "Atualidades científicas em SST para técnicos(as)  de segurança".

Sessenta vagas serão disponibilizadas, sendo dez vagas para filiados do SINTEST – MG. Para isso,  os filiados, em efetivo exercício da profissão no Estado, deverão enviar suas inscrições para os endereços (lucineia.silva@fundacentro.com.br e mrs.bhte@gmail.com), com cópia para eventos@sintestmg.org.br. As vagas serão garantidas para os dez primeiros filiados que enviarem suas inscrições. As demais 50 vagas serão preenchidas, exclusivamente, por técnicos de segurança do trabalho, estes também em efetivo exercício da atividade, e por ordem cronológica de inscrição. Para os candidatos selecionados, ofício será enviado às empresas, solicitando-lhes liberação para realização do curso.

Os módulos I, II e III do curso serão ministrados, respectivamente, 19 e 20 de outubro de 2017, 8 e 9 de novembro de 2017 e 4, 5 e 6 de dezembro de 2017, das 13h às 19h, com dois intervalos de 15 minutos. Abaixo, os módulos:

MÓDULO I: Trabalho e Análise Ergonômica do Trabalho.

Noção de trabalho, situação de trabalho, características do funcionamento humano no trabalho, determinantes socio-organizacionais, prescrições do trabalho, atividade de trabalho, gestos e posturas, cognição, interações sociais, projeto ergonômico.

MÓDULO II: Concepções e métodos de análise de acidentes de trabalho.

Noção de acidente e sua evolução conceitual, aspectos da legislação brasileira, fatalidade e causalidade, falha e erro humano, confiabilidade humana nas organizações, análise da atividade e prevenção, evolução dos métodos de análise e investigação de acidentes, método de árvore de causas, prevenção nas empresas, sistemas de vigilância de acidentes do trabalho. 

MÓDULO III: Gerenciamento, avaliação e controle de riscos ambientais. 

Riscos ambientais: ruído, calor, gases e vapores, aerodispersóides, aspectos da legislação em SST, monitoramento ambiental, tecnologia de controle à exposição, (proteção coletiva e individual, modificação nos processos e produtos). Doenças do trabalho e profissionais prevalentes sem Minas Gerais. 

Vale frisar que essa proposta é  baseada nas avaliações do sindicato da categoria e nas reflexões dos docentes envolvidos, respondendo a uma demanda social já histórica.  É imprescindível espírito de responsabilidade social das empresas para que estas liberem os técnicos de segurança de seu SESMT, particularmente profissionais da segurança que valorizem oportunidades de capacitação contínua.

Logo abaixo, a ficha de inscrição.

 

Fonte: com informações Fundacentro